8 anos de Alma Surf

Eu sou um pouco criterioso para ler revistas, principalmente sobre surf. Tem uma penca de revistas que 50% é só propaganda, 20% sobre campeonatos, 20% fotos clichês e 10% de colunas, sendo que apenas metade destas colunas e fotos me satisfazem.

E quando falo em satisfação, quero dizer ler textos bons, que me dispertem sentimentos, que me ensinem mais sobre o surf, ou imagens que transmitam o sentimento que o surfista, o fotógrafo e o mar se encontraram.

Sempre lia a Fluir, mas nunca fui muito fã desta, apesar de ter boas fotos e colunistas muito bons, como o Fred d’Orey, que sempre escreve textos bacanas. Também comprei umas Hardcores, mas nada de especial. (Quando falo isso, é porque as revistas não atendem a minha necessidade de leitura, de busca, o que não quer dizer que são revistas ruins, são ambas muito boas no que fazem).

Aí descobri a Alma Surf, há seis anos atrás. Encontrei na banca, dei uma folheada básica e pensei: “pô, vou levar…”. Quando cheguei em casa, li inteira. Fiquei apaixonado pelo conteúdo, pela idéia da revista, que era nova ainda, mas muito melhor do que o que eu conhecia na época.

A revista está completando 8 anos com esta última edição (DezJan, pois a revista é bimestral), que está com uma penca de bons colunistas: Taiu Bueno (sensacional sempre), Sylvio Mancusi (estreando muito bem), Rico de Souza, Roberto Vámos, Adriano Vasconcellos, entre outros.

Fora a revista, há diversas atividades culturais, como o Fstiv’Alma, que aconteceu no ano passado e nos anteriores, com shows de importantes ícones do mundo surf, e também exposições artísticas, de fotos, filmes e pranchas. Agora mesmo está rolando uma exposição no Shopping Morumbi, aqui em São Paulo, do dia 8 a 25 de janeiro, o Festival Alma Surf, que possui parte do acervo artístico que foi apresentado no Festiv’Alma, com pranchas, filmes, fotos… Confiram: http://www.morumbishopping.com.br/home/.

Para quem quer uma revista de surf brasileira, de qualidade, é essa: Alma Surf. Surf, arte, cultura, essência, é isso que a revista traz.

http://www.almasurf.com.br

Único problema: o site não atualiza tão rápido. Mas é só correr na banca, deixar 10,00 merréis e pegar a sua que vale a pena.

À Alma Surfe aos leitores: parabéns pelos 8 anos de cultura, e continuem assim.

Aloha!

0 Responses to “8 anos de Alma Surf”



  1. Deixe um comentário

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s





%d blogueiros gostam disto: