Posts Tagged '2011'

O retorno…

Galera, primeiramente, um imenso pedido de desculpas pela falta de atualização injusta aos leitores fiéis, que enviam e-mails preocupados com a ausência, e também aos que simplesmente leem o blog. Foi uma fase de intermináveis três meses, que terminaram… Resultado: mudança de emprego para acompanhar o ritmo que deve ter.

Se eu não estava mais aguentando? Não. E me movimentei para sair. Tirei isso de uma lição do próprio surf. Se o mar está grande e meio mexido, frio, e você extremamente cansado e percebe que não vai tirar muito proveito, pra que o risco de morrer, se dá para remar para sair, abandonar mesmo aquele dia de surf, sabendo que com certeza podem ter muitos dias de surf perfeito pela frente? Foi isso que fiz. Remei pra fora, e num cenário de poucas ondas, remei novamente pro outside, com a certeza de que viria uma série. E ela veio, e eu dropei uma muito boa. Hoje estou bem melhor, na certeza de uma ótima decisão, de estar em um ótimo mar.

Com isso, agora me sobra mais tempo para curtir a vida, para surfar, e claro, para caçar bom conteúdo de cultura surf e voltar a atualizar meu querido WE SURF!.

Aos que leem, estou de volta na ativa.

Tem muita coisa boa neste ano, e certeza que teremos muito surf, muito sou surf neste ano. Já começa pela grande série batendo neste final de semana, e tudo indica que no final de semana vai estar clássico também. É só conferir a previsão. Tem Festivalma no final do mês, tem Jack Johnson… tem surf e vida pra caramba.

Mais surf nos próximos post. Grato pela leitura de todos!

Aloha.

Anúncios

2010 já era, e 2011 promete…

É isso mesmo, 2010 já era. Pelo menos para mim, que não surfarei mais neste ano, já posso dizer que para o surf este ano já era. E alguns dias atrás, consegui me despedir do mar com boas ondas aqui no litoral de SP, com bons amigos, boas reflexões, e bons pedidos para 2011.

E 2010 já era também para Andy Irons… Agora está em outra praia, outra onda, que acredito ser muito mais bela e bonita do que a deste planeta. Que ele esteja sempre em paz.

Já era também para o décimo título de Kelly Slater. Já era não, já é. Ninguém tira mais.

Derramamento de petróleo no golfo do México, japoneses e noruegueses mandando ver na caça de baleias nos mares do pólo sul, mais de 2.140 km² desmatados na floresta amazônica (dados DETER), terremotos e tsunamis em vários lugares (estão dizendo que Mentawaii não será mais a mesma), e mais um monte de coisas boas também.

Coisas acontecendo, boas ou ruins. Ajudando ou piorando.

E esta foto, para mim, representa o Reveillon. Uma onda na beira da areia vem e apaga todas as pegadas deixadas ali, e lembramos que um dia passamos por ali, mas não lembramos quantas pegadas deixamos, o formato delas, se eram fundas… O Reveillon vem e apaga tudo o que aconteceu no ano passado, e o que fica registrado? Apenas uma lembrança superficial dos fatos, dos acontecimentos, dos desastres e das coisas boas.

Mas o mundo não se esquece. De nada. Nem o mundo e nem seu “dono” (seja lá o nome da divindade que sua religião dê, é exatamente a mesma coisa. Para o mundo inteiro). E nem a sua alma… Registra tudo e você levará somente isso desta vida.

E como surfista de alma que sou, posso dizer que sou privilegiado por ter inúmeros momentos em contato íntimo com o planeta, com o oceano, com as ondas. Terei muito para contar quando deixar esta vida, as outras vidas, e as outras…

Neste ano que virá, vamos, nós surfistas, tentar refletir este lifestyle em tudo que nos cerca, em toda nossa vida. Como a onda que vem e apaga as pegadas, vamos vir e compartilhar esta essência que nos guia, e que direciona o restante de nossas vidas. No profissional, no pessoal, no espiritual.

De um em um, essa essência pode contaminar o mundo. De pegada em pegada, fazemos uma longa caminhada, que a onda da beira da praia não apagará.

A liberdade é nossa, temos que aproveitá-la para melhoramos, e para melhorar o mundo. Essa música fala um pouco disso:

ps.: ao vivo no Festivalma – http://www.youtube.com/watch?v=4CBwijkh-oQ

A todos os leitores: meu mais sincero Aloha.

Muita vida em 2011.